quarta-feira, 11 de julho de 2012

legado





nem a arrogância dos poderosos
nem a subserviência dos mortos-vivos
quero deixar palavras que comovem
e exemplo que movem
-- pois o silêncio do feito
só se compara ao verso não declarado
ao poema não declamado
ao pensamento deixado ao cosmos


Um comentário:

Batom e poesias disse...

Palavras que comovem.
Sempre.

Bjs
Rossana