terça-feira, 20 de novembro de 2012

Horóscopo




Flores e calores pela casa.

Cômodos acesos. Lamparinas

tremulam e sombras brincam.

Delírios exalam perfumes naturais.

Amadeirado suor escorre pela nuca.

Pormenores de panos miúdos.

Gazes e véus. Imagens imaginárias.

Vãos de pelos. Espaços

preenchidos. Desejos.

Unhas mordem uma almofada

vermelha.

Dentes arranham o sofá

vermelho.

No escuro brilham lábios.

Olhos brilham fechados.

Brilhos brilham ouros e pratas.

Diamantes pelo chão - poeira

do prazer.

São escolhas e peles a

percorrer.

Formas disformes eventos

repetidos.

Em forma de firmamento cheio de cometas.

Riscos de luz gemem sem pudor.

Dominam os céus e as profundezas

são dominadas. Na proporção

do pecado.

Jogo da velha. Quebra-cabeça.

Pião. Taco. Esconde-esconde.

Crianças ainda.

Tão lindas. Tão belas

quanto. Quanto raios de luz.

Quantum. Em tom de outunos, verão.

Na primavera dessa noite, calores

e flores na oitava casa de Gêmeos,

Saúde, dinheiro e amor.

 

 

 

 

 

 

 

 

Nenhum comentário: