terça-feira, 25 de agosto de 2015

Da indisciplina


Quando eram verdades.
Quanto era História.
Quanto eram lutas.
Também liberdades.
Quando era noite e fez-se a luz.
Quanto eram águas de março.
Quanto eram flores e canhões.
Também era crença.
E das canções e dos hinos
os ecos emudeceram.
Quando foram.
Quanto eram.


Nenhum comentário: