quarta-feira, 21 de outubro de 2015

Dos alicerces



Alicerce do tempo.
Uma saudade imensa.
Calor da alma.
Um raio de vida.
Rápido. Risco de estrela ou sol.
Tão rápido que incomoda.
A história incomoda.
A memória incomoda.
As frases rápidas e as reticências.
Peças que se completam.
As listas de uma bandeira.
Fios entretecidos.
Enternecidos.
Poeiras de ouro.
Retículas.
Caderneta de telefones.
Chaves. Moedas. Fotografias.
Amor incondicional.
Não há dia sem noite.
Talvez por isso divague.
Meu tempo se perde em palavras...

Nenhum comentário: