sábado, 16 de julho de 2016

Palavras bonitas






Cefaléia é uma palavra bonita.
Mas dá uma enorme dor de cabeça.

Gonorréia era o maior temor na adolescência.
Hoje nem mais leva acento agudo.

A reforma da gramática deixou as palavras mais feias.
Até as mais bonitas.

Pompeia. Minha Pompéia. Raul Pompéia.
Avenida Pompéia. Via Pompéia.

Geleia. Geléia de morango. Geléia de framboesa.
Geléia de uva. Geléia de mocotó. Colombo.

Paranoia. Paranóias plurais e multilatitudinais.
Paranóias por todos os lados. Paranóia para todos.

Lambisgoia. Não passou de uma lambisgóia.
Foi-se embora além-Pasárgada. Morreu de sífilis.

O meu maior medo é morrer de qualquer coisa aguda.
E sem acento.



Nenhum comentário: